Amon Amarth foi formado em 1988 mas seu nome era “Scum”, só então em 1992 mudou pra Amon Amarth, nome retirado da série “O Senhor dos Anéis” de J.R.R. Tolkien, e significa “Montanha da Perdição” na língua dos elfos. Apesar de formada em 1988, seu primeiro álbum oficial foi lançado somente dez anos mais tarde, começando a boa sequência. A banda segue o estilo death metal com elementos melódicos, caracterizado pelo trabalho da dupla de guitarristas. A temática viking presente em todos os álbuns é uma das principais marcas da banda, que em seus shows usam cenários medievais, rituais vikings.

Ano:  2011

País:  Suécia

Membros:

Johan Hegg – Vocal
Johan Söderberg – Guitarra
Olavi Mikkonen – Guitarra
Ted Lundström – Baixo
Fredrik Andersson – Bateria

Comentário:

“Surtur Rising”, oitavo álbum, mantém o alto nível conquistado ao longo da carreira da banda. A estabilidade da banda com bons lançamentos ganha peso quando se ouve falar de Amon Amarth, desde o primeiro álbum a banda mostrou ser única, inconfundível timbre tanto pela voz de Johan Hegg, com seus guturais incomparáveis, quanto pelo peso e harmonia das guitarras. Para começar, a capa do álbum muito bem feita já é um fator que atrai a atenção. “Slaves of Fear” pra mim é o grande destaque do álbum, com a pegada destruidora que lembrou a obra-prima da banda, o álbum “With Oden on Our Side”. Ainda cito as faixas “The Last Stand of Frej” e “For Victory or Death” que elevam com certeza o nome do álbum. A estranha regravação da música do system of a down, de estilo totalmente diferente da banda, adaptou exatamente ao timbre da banda.

01. War of the Gods
02. Töck s Taunt – Loke s Treachery Part II
03. Destroyer of the Universe
04. Slaves of Fear
05. Live Without Regrets
06. The Last Stand of Frej
07. For Victory or Death
08. Wrath of the Norsemen
09. A Beast Am I
10. Doom Over Dead Man
11. Aerials (System of a Down cover)

Tamanho:  114 MB

Download